A cortina ideal: saiba como escolher a peça para os ambientes da casa

Imagem

Cortinas funcionam como uma vestimenta dos cômodos: além da beleza e charme, elas aumentam a privacidade e trazem conforto térmico

Cortina ideal, é uma peça fundamentais para alguns cômodos e servem para trazer mais privacidade ao vestirem os ambientes. O item possui uma vasta variedade disponível no mercado e ganha destaque por sua flexibilidade e movimento, já que o acessório exerce papel de transformar os espaços.

As cortinas podem ser trabalhadas em camadas versáteis, confortáveis e aconchegantes, com uma pluralidade de estilos e inovando com tecnologias de absorção de luz, isolante térmico, acústico e, inclusive, proteção UV.

De acordo com Isabella Nalon, arquiteta, o primeiro ponto para escolha da cortina é a cor, um fator determinante baseado na necessidade de cada família, pois o tom da peça pode modificar a luz do ambiente.

“A ideia é optar por cores leves que não enjoam facilmente com o tempo, tons neutros como branco, off-white, bege ou o famoso cinza, que harmonizam com os demais adornos da mobília”, diz.

Para Nalon, a cortina é um elemento complementar ao espaço e, mesmo sem protagonismo, precisa estar contextualizado com o estilo da decoração, mas de forma que não se torne o ponto de atenção e não roube a cena de outros elementos, deixando o ambiente cansativo. “A cortina é um elemento de grande porte e permanente, por isso precisa ser agradável.”

Descobrindo opções

Persiana é a mais utilizada em ambientes comerciais e corporativos. Existem as persianas rolô, romana, colmeia e painel usado em salas e varandas, principalmente em vãos maiores de portas ou janelas com proteção, sem diminuir a claridade.

“A persiana romana é muito usada pela sofisticação, ótima para compor grandes janelas e ambientes onde você precise de um leve toque mais tradicional e clássico“, conta a profissional. 

“Nesse modelo, temos estéticas, texturas e cores que se adaptam a qualquer ambiente, inclusive as cortinas blackout e as telas solares com tecidos que bloqueiam os raios UV, com passagem da luminosidade natural difusa para o ambiente”, conta.

Outra opção é a Cortina Voil, confeccionada com um tecido fino com transparência. É muito utilizada em salas grandes, por exemplo, para o bloqueio da luz, mas mantendo leveza e deixando o ambiente mais aconchegante. Pode-se acrescentar mais camadas caso deseje um bloqueio de luz maior ou adicionar tecido mais grosso ou até o blackout para um ambiente mais escuro.

Cortina ideal para a sala

Segundo a profissional, a escolha vai depender do projeto do ambiente por completo. Quando pensamos em cortinas para uma sala moderna, o ideal é ter fluidez usando tecidos com mais elegância. “Uma boa aposta seria linho e seda. Caso seja uma área mais ensolarada, talvez seja necessário um forro sintético para proteger o tecido natural do sol”, explica.

Tecidos sintéticos são mais resistentes às altas temperaturas, não desbotam e não rasgam facilmente. “No verão, a luz fica ainda mais forte e intensa. Caso isso aconteça na sua sala de TV ou mesmo em lugares onde se busca menos luz, procure por tecidos mais fechados – blackout – deixando o ambiente mais escuro quando necessário”, explica Isabella.

Cortina ideal para os quartos

“Geralmente, quando são janelas, costumo usar persianas longas até o piso e cortinas de tecido nas laterais. Isso cria um ambiente com visual elegante”, diz. No quarto dos pequenos, a dica da profissional é usar cortinas com tecidos fáceis de lavar, já que exige mais cuidados com acúmulo de ácaros.

“As persianas rolo de tecido sintético são excelentes pela praticidade de fazer a limpeza, com pano e produto”, lembra Isabella. “Essas persianas sintéticas possuem diferentes opções de modelos, materiais e cor. A  mais indicada é sempre aquela que se adequa melhor a sua decoração”, reforça.

O mesmo serve para quem opta por usar cortinas na cozinha. “Dê preferência para persianas rolo também, a mais prática para limpeza. Se na sua cozinha bate sol, é indicado o uso de tela solar, que funciona como um filtro do sol, mas mantendo uma boa entrada de luz.”

Cortina ideal para o banheiro

Aqui depende de onde a cortina será usada. Se for na janela, é importante que o tecido guarde a privacidade e a intimidade, ao mesmo tempo em que seja resistente à luz e à alta umidade. Se for para a área do box, é importante que o material utilizado seja resistente à água direta e que seja bem aplicado, protegendo o chão da água do banho.

Tendência

Segundo Nalon, a novidade do mercado são as cortinas e persianas confeccionadas para impedir o acúmulo de poeira e facilitar a higienização. “Algumas são feitas com material que bloqueia os raios ultravioleta sem deixar o ambiente escuro, o que sempre é um ponto fundamental em termos de conforto e praticidade no dia a dia.” 

“Não podemos deixar de citar os sistemas inteligentes de automação para cortinas e persianas que estão em alta, pois podem ser controlados a distância e, em alguns casos, pelo smartphone”, completa Isabela.

Fonte: Estadão

Voltar